Close

COMO ECONOMIZAR NO SUPERMERCADO?

Fazer supermercado é uma tarefa que nos acompanhará por muitos anos ao longo de nossa vida. Não importa se você é casado, se mora sozinho ou se mora com amigos, fazer compras no supermercado necessariamente fará parte de seu cotidiano.

Ir ao supermercado nada mais é que buscar atender nossas necessidades mais básicas. Todavia, significa também um considerável gasto ao longo do mês, principalmente se você não souber planejar essa despesa.

Visando auxiliá-lo nesse gasto indispensável de nosso dia-a-dia, escrevemos este artigo, passando-lhe dicas para economizar no supermercado.

Essas dicas de economia decorrem da resposta à seguinte pergunta: “É melhor ir ao supermercado uma vez ou várias vezes ao longo do mês?”

Responderemos essa pergunta passando as dicas de como se economizar nas compras no supermercado.

Após a leitura, caro investidor, responda para si mesmo o que você acredita ser mais vantajoso e compartilhe conosco sua opinião. Vamos adorar saber!

Dica 1: Não formação de estoques:

 Ao optar por ir várias vezes ao supermercado, você consegue gerenciar melhor as mercadorias e produtos que precisa comprar. Dessa forma, você irá comprar apenas aquilo que realmente necessita e na quantidade suficiente para o consumo.

Ir uma só vez ao supermercado durante o mês aumenta a probabilidade de se comprar quantidades em excesso de alimentos. A prova disso são os pacotes de bolachas que se acumulam nos armários ou despensas (quem nunca pegou uma bolacha ou biscoito murcho?).

Dica 2: Combate à inflação.

Ir com certa frequência ao supermercado te permitirá combater a inflação, simplesmente porque você reunirá condições de acompanhar o preço de cada alimento que normalmente você compra.

Dessa forma, você terá uma considerável noção de como anda o preço-médio de cada produto e, ao se deparar com um determinado preço, você saberá, por uma simples conta mental, se o produto está caro ou se a promoção anunciada é realmente uma promoção.

Dica 3: Diminuição no desperdício dos alimentos.

Essa dica tem grande relação com a dica número 1 (não formação de estoques).

Quando se compra alimentos em quantidade superior à necessidade de consumo, inevitavelmente parte desses alimentos irá para o lixo simplesmente porque passou a data do vencimento.

Isso não só acarreta uma perda financeira, pois se pagou por algo que não foi consumido, como também contribui para o aumento do desperdício de alimentos (o Brasil descarta cerca de 41 mil toneladas de alimentos por ano).

 Dica 4: Controle do orçamento.

Ir com certa frequência ao supermercado te proporcionará construir um histórico de gastos, o que servirá de base para projeções de despesas para as próximas compras (você terá uma base de quanto precisará destinar de seus recursos para o supermercado).

Além disso, com base nesses registros, você reunirá dados suficientes para avaliar a qualidade de seus gastos no supermercado, inclusive sobre eventuais excessos ou aquisições desnecessárias para seu estilo de vida ou, até mesmo, para seus cuidados de saúde.

Uma estratégia simples, mas muito eficaz, é levar consigo uma lista de compras, em que você poderá anotar o que comprou, a quantidade e o preço de cada alimento.

Procure manter essas listas pelo menos das últimas 04 semanas, pois assim formará uma espécie de banco de dados que te permitirá avaliar e planejar suas futuras compras, favorecendo, assim, um consumo mais consciente e inteligente.

Dica 5: Economia de tempo.

A princípio ir mais vezes ao supermercado pode significar gastar mais tempo do que ir só uma vez. Na realidade, aumentar as idas ao supermercado pode, sim, representar uma economia de tempo.

Em primeiro lugar, quando você passa a ir com mais frequência, naturalmente memorizará a localização dos produtos que você mais compra, o que te ajuda a encontrá-los com mais rapidez (não precisa ficar passando por vários setores procurando pelo produto).

Em segundo lugar, por já saber aonde se localiza o produto e não precisar ficar procurando-o, diminuirá consideravelmente a possibilidade de você levar algo que não precisa, encarecendo a conta final.

Terceiro aspecto: o hábito de ir com mais frequência ao supermercado fará com que você identifique quais dias e horários haverá filas menores, assim como, por ter menos quantidade de produtos, você passará menos tempo no caixa para finalizar suas compras.

Dica Bônus: Compras on-line e clubes de fidelidade.

Caso você não goste ou não tenha tempo de ir ao supermercado, considere a hipótese de fazer suas compras online. Não raras vezes é possível encontrar boas promoções e desconto em produtos, sem contar a comodidade de ter as compras entregues em sua residência.

Uma possível desvantagem das compras online é que dificilmente você terá o que comprou no mesmo dia, razão pela qual deve sempre ser uma compra programada e planejada. Caso realmente precise de algo de imediato, provavelmente terá que sair de casa para fazer a compra.

Clubes de fidelidade do supermercado também são uma alternativa a ser considerada para obter descontos em produtos ou outros benefícios oferecidos.

Apenas se atente para que não haja necessidade de pagar para se associar ao clube de vantagens.

Conclusão:

Notadamente as compras no supermercado estão entre as maiores despesas dentro do orçamento das famílias e que são praticamente impossíveis de serem cortadas.

Todavia, verdadeiramente acreditamos que podemos tornar tais despesas mais conscientes e sustentáveis. Fazer compras no supermercado pode, sim, ser um ato de consumo consciente, seja pensando em economizar na conta final, seja otimizando o tempo destinado para essas compras.

E quais outras formas de economia nas compras de supermercado você adota? Compartilhe aqui! Vamos adorar saber. Sucesso em suas compras!

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − cinco =